Voluntariado DF: Os Dois Mundos que todos podem ajudar

Criança é criança, não importa onde seja. São encantadoras, alegres, inocentes e cheias de vida. São como água, tomam todos os espaços e até aqueles vazios em nossos corações. Quando cheguei, logo me cercaram e abraçaram em coletivo, fiquei parecido com uma árvore de crianças. O pescoço ficou pesado com tantas mãozinhas, e os risos…
Leia mais