Quando conhecemos a realidade…

img_2654

“Sou contra quem dá aos pobres! Sou contra ao assistencialismo! Essas pessoas precisam se virar! EU me virei! EU dei a volta por cima! EU conquistei! EU consegui!”. Glória a Deus pela sua vida. Glória a Deus pelas suas vitórias! Mas, e se não tivesse dado certo? E se, você não tivesse conseguido?

Pois é. Muitas e muitas pessoas vivem o “se”. Sua história sendo linda ou não, ela pertence a você!  Cada ser com sua historicidade única, vive suas experiências de vida de forma particular! Enquanto você se firma em seus conceitos, há vidas passando por situações extremamente difíceis. E, se o que não te fizer falta ajudar alguém que sofre? E se você levar esperança ao invés de dedos apontados? Quantas pessoas não  seriam salvas?

img_2659

Salvas? Sim. Salvas! Salvas do desespero de não saber se terá alguma coisa para comer no outro dia. Salvas do medo de verem seus filhos tão distantes a ponto de não mais vê-los porque não há a menor condição de supri-los na mais simples necessidade. Salvas da angústia de saber que ninguém se preocupa com ela, e que sozinha ela está…

Talvez estas pessoas não sejam mais uma “folgada”, sem força de vontade que você imagina. Essa pessoa é como eu e você.  Que já lutou tanto, que já não encontra mais forças pra continuar tentando…

img_2664

A vida é assim. Um dia enfrentamos as maiores guerras e em outros dias, desfrutamos a glória! Em todos estes, compartilhamos, seja dor ou alegria, com pessoas. Na maioria das vezes, a dor é menos presenciada. Uma pena, já que é o momento em que mais precisamos!

img_2697

Em dias de guerra ou em dias de glória, quero ajudar o meu próximo. Quero estar com ele, mesmo não sendo meu melhor amigo ou meu familiar. Quero levar a esperança, onde já não se espera. E você?

Yorrana Senna
Voluntária e Doadora

Fotografia: Juliana Campos Sabino de Souza

Compartilhe com os Amigos
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •